Dólar ensaia queda, mas fecha em alta mesmo com atuação do BC.

O Banco Central vendeu US$ 2,5 bilhões em swaps cambiais apenas nesta segunda-feira, ajudando o dólar a tocar uma mínima em duas semanas, na casa de R$ 3,67. Mas na parte da tarde as compras ganharam força, puxadas pelo maior ímpeto da moeda americana no exterior. No fechamento, o dólar acabou subindo 0,45%, a R$…

Compartilhe:

Ibovespa volta a cair e se aproxima dos 72 mil pontos.

A percepção de risco do investidor com o Brasil segue forte. Em um ambiente em que os emergentes seguem fragilizados, o alívio com o cenário eleitoral durou pouco, e o investidor começa a semana mais uma vez em tom defensivo. Ontem, o Ibovespa caiu 0,87%, aos 72.308 pontos, depois de ter cedido até os 71.843…

Compartilhe:

Duas primeiras semanas de junho têm superávit de US$ 914 milhões.

Com seis dias úteis, as duas primeiras semanas de junho tiveram superávit de US$ 914 milhões – resultado de exportações de US$ 4,849 bilhões e importações de US$ 3,935 bilhões. No ano, as vendas ao exterior somam US$ 98,481 bilhões e as compras externas, US$ 73,393 bilhões, com saldo positivo de US$ 25,088 bilhões. Nas…

Compartilhe:

Estado do Rio reduz alíquota do ICMS do óleo diesel.

O Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro publica a lei que reduziu de 16% para 12% a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) cobrada sobre o diesel no estado. A legislação foi fruto de negociação com caminhoneiros, em meio à greve da categoria que gerou uma crise de desabastecimento…

Compartilhe:

Dólar bate R$ 3,90 e registra maior nível desde março de 2016.

O dólar dispara na manhã desta quinta-feira e a cotação bate a marca de R$ 3,90, num avanço de 1,7%. O real já retoma o posto de pior desempenho diário entre as principais moedas globais, com alguma distância para o segundo mais negativo, o rand sul-africano. As taxas futuras, negociadas na B3, não escapam da…

Compartilhe:

Burocracia para importação e exportação custa US$ 140 bilhões, aponta estudo.

O excesso de licenças e de órgãos envolvidos no comércio exterior brasileiro custou US$ 49,21 bilhões para a importação e mais US$ 91 bilhões par a exportação em 2017. Os dados são da Confederação Nacional da Industria, que mapeou as etapas burocráticas por que passam os itens que chegam e que são enviados para outros…

Compartilhe:

Exportadores enviam carta a ministros contra redução do Reintegra.

O Fórum de Competitividade das Exportações (FCE), associação que reúne os 55 maiores exportadores do país, enviou carta a cada um dos oito ministros que compõem o conselho da Câmara de Comércio Exterior (Camex) pedindo a recomposição do crédito tributário concedido às empresas do segmento. Na semana passada, o governo reduziu de 2% para 0,1%…

Compartilhe:

Bruxelas dá sinal verde à imposição de tarifas aos EUA a partir de julho.

A Comissão Europeia (CE) aprovou nesta quarta-feira a imposição de tarifas adicionais a produtos americanos, uma medida que entrará em vigor em julho em resposta à decisão do Governo dos Estados Unidos de taxar as importações de alumínio e aço da União Europeia (UE). “A CE espera concluir o processo de coordenação com os Estados-membros…

Compartilhe:

México impõe tarifas de importação aos EUA em retaliação ao aço.

O México irá impor tarifas sobre as importações de produtos siderúrgicos e agrícolas dos Estados Unidos – incluindo carne suína, queijo, maçãs e batatas. O decreto assinado pelo presidente mexicano Enrique Peña Nieto foi publicado hoje (5) no Diário Oficial do país. A medida é uma retaliação à decisão da administração do presidente norte-americano Donald…

Compartilhe:

Balança comercial do mês de maio é afetada pela greve dos caminhoneiros.

A paralisação do setor prejudicou principalmente a exportação de produtos manufaturados, que apresentou queda de 17,3% ante o mês de abril; mais efeitos ainda deverão ser sentidos em junho A paralisação afetou as transportadoras do porto de Santos, que ficaram com seus estoques lotados A greve dos caminhoneiros teve grande impacto nos resultados da balança…

Compartilhe:

Perdas do setor de navegação ultrapassam R$ 1,5 bilhão.

Os 10 dias de greve nacional dos caminhoneiros geraram prejuízos que superam a marca dos US$ 410 milhões, o equivalente a R$ 1,5 bilhão, ao setor de navegação no Porto de Santos. O cálculo é conservador e pode ser ainda maior por conta da variação de tarifas. O montante leva em consideração vários fatores,todos relacionados…

Compartilhe:

Técnicos voltam a discutir amortecimento de preços dos combustíveis.

Técnicos dos ministério de Minas e Energia (MME) e da Fazenda reúnem-se hoje (4) para discutir a criação de uma política de amortecimento de preços dos combustíveis que chegue ao bolso do consumidor. Esta é a segunda reunião do grupo de trabalho criado para esse fim. A discussão inclui derivados do petróleo, como a gasolina….

Compartilhe:

China e EUA retomam negociações para evitar guerra comercial.

China e Estados Unidos iniciaram neste sábado uma nova rodada de negociações para tentar resolver atritos tarifários e conter assim uma guerra comercial. Uma delegação de representantes americanos liderada pelo secretário de Comércio, Wilbur Ross, está em Pequim para negociar com o governo da China e tentar reduzir as tensões dos últimos dias. Esta é a…

Compartilhe:

Exportadores e associação de refrigerante criticam perda de incentivos.

O presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), José Augusto de Castro, se disse surpreso com a decisão do governo federal de reduzir de 2% para 0,1% o percentual do crédito tributário concedido para estímulo às exportações desde 2011, quando foi criado o Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras (Reintegra). “Lamentamos…

Compartilhe:

EUA abrem guerra comercial com tarifas sobre UE, Canadá e México

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira a suspensão da isenção à imposição de tarifas à importação de aço e alumínio da União Europeia (UE), do Canadá e do México, uma decisão que faz as tensões comerciais dispararem e provocará represálias de seus sócios. “Decidimos não ampliar a isenção para UE, Canadá…

Compartilhe:

China diz que medidas protecionistas dos EUA são “indiscriminadas”.

A China mostrou nesta sexta-feira vontade de trabalhar com todos os países para promover o multilateralismo e o crescimento econômico, perante o anúncio dos Estados Unidos de manter as tarifas de importação de aço e alumínio à União Europeia (UE), Canadá e México, medida que qualificou de “indiscriminada”. “É verdade que muitos países estão preocupados…

Compartilhe:

CADE apresenta propostas para melhorar a concorrência no setor de combustíveis.

Em meio a greve dos caminhoneiros contra o aumento do preço dos combustíveis, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) divulgou nesta terça-feira nove propostas para aumentar a concorrência no setor de combustíveis e, por consequência, reduzir os preços ao consumidor final. As propostas serão discutidas em sessão plenária nesta terça-feira, que vai analisar as…

Compartilhe:

Incerteza da economia cresce 1,8 ponto de abril para maio.

O Indicador de Incerteza da Economia, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), cresceu 1,8 ponto entre abril e maio de 2018, para 115 pontos. O indicador tem uma escala de 0 a 200 pontos, em que resultados acima de 110 pontos indicam incerteza elevada na situação econômica. Segundo a FGV, o aumento da incerteza tem…

Compartilhe:

Petrobras aumenta preço da gasolina em 0,74% nas refinarias.

A Petrobras voltou a aumentar o preço da gasolina, depois de cinco quedas consecutivas do valor do combustível. A partir de amanhã (31), o preço nas refinarias subirá 0,74% e passará a ser de R$ 1,9671 por litro. Em maio, o preço do combustível nas refinarias da Petrobras acumula alta de 9,42%, já que em…

Compartilhe:

China garante que novas tarifas dos EUA vão contra o que foi acordado.

A China afirmou, nesta quarta-feira, que as imposição de tarifas de 25% sobre determinados produtos chineses com “tecnologia industrial significativa” anunciada pela Casa Branca vai contra o consenso alcançado pelos dois países durante as negociações mantidas para evitar uma guerra comercial. O Ministério do Comércio chinês reconheceu em comunicado que o anúncio destas tarifas surpreendeu…

Compartilhe:

Dólar salta 1,64% e caminha a R$3,75, com temor sobre contas públicas.

Na máxima do dia, a moeda norte-americana foi a 3,7398 reais e acumulou alta de 2,86% em três pregões seguidos de ganhos. A preocupação dos investidores com as consequências da greve dos caminhoneiros sobre as contas públicas do país fez o dólar saltar nesta segunda-feira, caminhando para o patamar de 3,75 reais, movimento amplificado pela…

Compartilhe:

Ibovespa despenca 4,5% e passa a recuar em 2018; Petrobras desaba mais de 14%.

O principal índice de ações da B3 fechou aos 75.355 pontos, menor patamar de fechamento desde 22 de dezembro de 2017. O principal índice acionário brasileiro começou a semana caindo 4,5 por cento e revertendo os ganhos em 2018, impactado pelo 8º dia de greve dos caminhoneiros, que paralisou diversos setores da economia, evidenciando fragilidades…

Compartilhe:

Formalização de parceria entre Pecém e Roterdã entra em fase final.

Os trâmites para a formalização da parceria entre o Portos do Pecém e de Roterdã entram em fase final de execução. As tratativas jurídicas do processo estão adiantadas. Juvêncio Vasconcelos, procurador Geral do Estado, está em São Paulo até esta quinta-feira, 24, para validar os detalhes com a equipe jurídica do porto holandês. “O cronograma…

Compartilhe:

Comércio da América Latina não acompanha o ritmo do crescimento mundial.

As exportações da América Latina e Caribe continuam crescendo. Depois de quatro anos no vermelho, já são dois de aumentos. Mas o ritmo decaiu. Se no primeiro trimestre de 2017 a alta foi de 11,9%, em igual período deste ano ficou em 10,6%, segundo um relatório do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) divulgado nesta quinta-feira….

Compartilhe:

Mercosul e Coreia do Sul lançam formalmente negociações do acordo de livre comércio.

Os ministros Aloysio Nunes Ferreira (Relações Exteriores) e Marcos Jorge de Lima (Indústria, Comércio Exterior e Serviços) participaram hoje (25) em Seul, do lançamento das negociações para um acordo de comércio entre o Mercosul e a Coreia do Sul. O lançamento aconteceu durante reunião entre o governo sul-coreano e representantes dos quatro países do bloco…

Compartilhe: